Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Educação do Campo
Início do conteúdo da página

Faculdade de Educação do Campo

Publicado: Quinta, 15 de Setembro de 2016, 22h56 | Última atualização em Quinta, 02 de Novembro de 2017, 11h50

O Curso de Licenciatura em Educação do Campo - PROCAMPO foi aprovado pelo Ministério da Educação em 2013 e está vinculado à Faculdade de Educação do Campo (FECAMPO) do Campus Universitário do Tocantins/Cametá-UFPA. Este curso, que está flexibilizado para os polos de Baião, Oeiras, Mocajuba, Limoeiro e Vila do Carmo.

 

Direção da Faculdade

Diretora

Profa. Msc. Maria Madalena Freire Corbin

Currículo Lattes: http://lattes.cnpq.br/0103312120739934

Vice-Diretora

Profa. Msc. Maria do Socorro Dias Pinheiro

Currículo Lattes: http://lattes.cnpq.br/7850316457132758

Secretaria da Faculdade

Secretária

Idalina Ferreira Caldas
Assistente em Administração

 

Técnico

João Miranda Furtado
Pedagogo

 

Técnico

William de Oliveira e Oliveira
Assistente em Administração

 

Horário de funcionamento

De segunda a sexta-feira, das 8h às 12h e das 14h às 18h.

 

Endereço e contato

Prédio Professor Orlando Cassique Sobrinho Alves (1º andar)
Trav. Pe. Antônio Franco, 2617 - Bairro da Matinha
CEP 68400-000    Cametá-PA

Telefone: (91) 3781-1182 (Ramal 239)
E-mail:

Links úteis: [Em construção]

 


Documentos

Edital 01/2017 - Eleição para Direção e Vice-Direção da Faculdade de Educação do Campo do Campus Universitário do Tocantins/Cametá-UFPA

 


Processo Seletivo Simplificado 2017


O Corpo Docente da Faculdade de Educação do Campo está composto pelos seguintes professores:

Corpo docente

Cláudia Cristiana Cassol

Titulação: Doutora
Situação Funcional: Efetivo
Área(s) de interesse: Materiais híbridos orgânicos-inorgânicos. Purificação de derivados do petróleo com aplicação de processo de extração seletiva líquido-líquido e sólido-líquido em remoção de compostos aromáticos, nitrogenados e sulfurados. Química Ambiental. Síntese Orgânica em fase Sólida
Página no SIGAA: https://sigaa.ufpa.br/sigaa/public/docente/portal.jsf?siape=2139055
Currículo Lattes: http://lattes.cnpq.br/1463615615479893

Edilena Maria Corrêa

Titulação: Mestre
Situação Funcional: Efetivo
Área(s) de interesse: Educação do Campo na Região Tocantina
Página no SIGAA: https://sigaa.ufpa.br/sigaa/public/docente/portal.jsf?siape=2140460
Currículo Lattes: http://lattes.cnpq.br/2019366890337810

Edfranklin Moreira da Silva

Titulação: Mestre
Situação Funcional: Efetivo
Área(s) de interesse: Agricultura familiar, dendeicultura, sistemas leiteiros, práticas agrícolas e estratégias de produção
Página no SIGAA: https://sigaa.ufpa.br/sigaa/public/docente/portal.jsf?siape=2336509
Currículo Lattes: http://lattes.cnpq.br/5259957857523185

Hellen do Socorro de Araújo Silva

Titulação: Mestre
Situação Funcional: Efetivo
Área(s) de interesse: Formação de professores do campo
Página no SIGAA: https://sigaa.ufpa.br/sigaa/public/docente/portal.jsf?siape=2272166
Currículo Lattes: http://lattes.cnpq.br/4932105074922888

Gisele do Socorro dos Santos Pompeu

Titulação máxima: Mestre
Situação Funcional: Efetivo
Área(s) de interesse: Sistemas agroflorestais e agroecologia, com ênfase em agricultura familiar e assistência técnica e extensão rural
Página no SIGAA: https://sigaa.ufpa.br/sigaa/public/docente/portal.jsf?siape=1788180
Currículo Lattes: http://lattes.cnpq.br/1325364359318180

Maria Madalena Freire Corbin

Titulação: Mestre
Situação Funcional: Efetivo
Área(s) de interesse: Desenvolvimento rural, trabalho e gestão territorial na Amazônia Oriental
Página no SIGAA: https://sigaa.ufpa.br/sigaa/public/docente/portal.jsf?siape=1853054
Currículo Lattes: http://lattes.cnpq.br/0103312120739934

Manoel Leão Lopes Júnior

Titulação: Mestre
Situação Funcional: Efetivo
Área(s) de interesse: Química de produtos naturais, química de microorganismos
Página no SIGAA: https://sigaa.ufpa.br/sigaa/public/docente/portal.jsf?siape=2179215
Currículo Lattes: http://lattes.cnpq.br/1527237878128348

Tiago Corrêa Saboia

Titulação: Mestre
Situação Funcional: Efetivo
Área(s) de interesse: Ensino de Ciências, principalmente de Biologia
Página no SIGAA: https://sigaa.ufpa.br/sigaa/public/docente/portal.jsf?siape=2190080
Currículo Lattes: http://lattes.cnpq.br/4412152154460724

Oscar Ferreira Barros

Titulação: Mestre
Situação Funcional: Efetivo
Área(s) de interesse: Educação do Campo, Escolas Multisseriadas, EJA, Currículo e Planejamento, Didática, Organização do Trabalho Pedagógico, Pesquisa Educacional e Educação em Espaços Não Escolares
Página no SIGAA: https://sigaa.ufpa.br/sigaa/public/docente/portal.jsf?siape=1768607
Currículo Lattes: http://lattes.cnpq.br/4385852230831352

Waldma Maíra Menezes de Oliveira

Titulação: Mestre
Situação Funcional: Efetivo
Área(s) de interesse: Educação, Educação Inclusiva, com ênfase na Surdez
Página no SIGAA: https://sigaa.ufpa.br/sigaa/public/docente/portal.jsf?siape=2135605
Currículo Lattes: http://lattes.cnpq.br/9969566482712444

 

Enivaldo Dias Monteiro

Titulação: Mestre
Situação Funcional: Efetivo
Área(s) de interesse: Geografia Física, Ecologia de Paisagem, Agroclimatologia, Geotecnologias aplicadas ao ensino, assim como, práticas e metodologias de ensino em geografia e Educação Ambiental na Educação do Campo
Página no SIGAA: https://sigaa.ufpa.br/sigaa/public/docente/portal.jsf?siape=2171025
Currículo Lattes: http://lattes.cnpq.br/6786822716548998

 

Silvaneide Santos de Queiroz Côrte Brilho

Titulação: Doutora
Situação Funcional: Efetivo
Área(s) de interesse: Desenvolvimento Rural Sustentável; Desenvolvimento Local; Agricultura Familiar; Agroecologia; Economia Ecológica; Economia Solidária; Economia Camponesa
Currículo Lattes: http://lattes.cnpq.br/0855952974118408

 

Maria do Socorro Dias Pinheiro

Titulação: Mestre
Situação Funcional: Efetivo
Área(s) de interesse: Currículo, prática pedagógica, educação do campo (multissérie) e educação ribeirinha
Página no SIGAA: https://sigaa.ufpa.br/sigaa/public/docente/portal.jsf?siape=2495730
Currículo Lattes: http://lattes.cnpq.br/7850316457132758

Núcleo Docente Estruturante (NDE)

O NDE da Faculdade de Educação do Campo está constituído pelos seguintes docentes:

Profa. Dra. Cláudia Cristiana Cassol
Profa. MSc. Edilena Maria Corrêa
Prof. MSc. Enivaldo Dias Monteiro
Prof. MSc. Edfranklin Moreira da Silva
Profa.MSc. Gisele Pompeu
Profa. MSc. Hellen do Socorro de Araújo Silva
Profa. MSc. Maria Madalena Costa Freire Corbin
Prof. MSc. Manoel Leão Lopes Júnior
Profa. MSc. Maria do Socorro Dias Pinheiro
Profa. Dra. Silvaneide Santos de Queiroz Côrte Brilho
Prof. MSc. Oscar Ferreira Barros
Prof. MSc. Tiago Corrêa Saboia
Profa. MSc. Waldma Maíra Menezes de Oliveira

 

 


 

A Faculdade de Educação do Campo, por meio de seus docentes, possui os seguintes projetos de pesquisa e de extensão:

 

Projetos

Natureza do Projeto: Pesquisa

Título do projeto: Expansão da educação superior do campo e as implicações do curso de Licenciatura em educação do campo no processo de formação dos educadores: Narrativas de docentes e discentes sobre a trajetória do curso aa UFPA

Resumo: Este projeto de pesquisa destaca o interesse em investigar o curso em licenciatura em educação do campo, na Perspectiva de dialogar com as temáticas vinculadas à expansão da educação superior do campo, a participação dos movimentos sociais no interior do curso, a política de formação de educadores e o papel da universidade no processo de institucionalização do curso de Licenciatura em Educação do campo no contexto da Universidade Federal do Pará, a partir da implementação do curso como uma política estruturante. A intenção do projeto é aproximar os pesquisadores dos sujeitos sociais que protagonizam a implementação desta política pública, para isso busca também investigar a relação dos movimentos sociais, Fóruns regionais que contribuem para o fortalecimento do curso e também as articulações com o poder público na interface com a universidade.

Data de início: 2016     Data de término: 2017

Coordenadora: Hellen do Socorro Araújo
Bolsista(s): Graduanda do Curso de licenciatura em Educação do Campo

Agência financiadora: PIBIC/UFPA

Natureza do Projeto: Pesquisa

Título do projeto: Recuperação florestal por agricultores familiares do leste da Amazônia: Como melhorar o balanço entre benefícios ambientais e socioeconômico

Resumo:

Data de início: 01/06/2016     Data de término: 01/12/2017

Coordenador: Edfrankliin Moreira da Silva
Bolsista(s):
Voluntário(s):

Agência financiadora:

Natureza do Projeto: Extensão

Título do projeto: Formação Inicial de Discentes do Curso de Educação do Campo da UFPA-Cametá-PA

Resumo: O presente projeto intitulado? Educação, surdez e Libras: formação inicial de discentes do curso educação do campo da UFPA-CAMETÁ? apresenta como objetivo geral promover formação inicial de discentes da educação do campo, mediante a oferta de conhecimentos teóricos e práticos na Língua Brasileira de Sinais ? Libras, visando formar profissionais inclusivos, que contribuirão para a educação e a acessibilidade de pessoas surdas no campo da Amazônia Tocantina. Somando-se aos objetivos específicos: Favorecer a aprendizagem da Língua Brasileira de Sinais aos alunos da educação do campo, tornando possível a comunicação contextualizada entre surdos e ouvintes no convívio social e educacional, promovendo a compreensão das Libras, da cultura e identidade da pessoa surda, Criar um ambiente linguístico favorável para o aprendizado das Libras com a presença da comunidade Surda de Cametá-PA e Averiguar a importância da formação inicial presente neste projeto de extensão aos discentes da educação do campo. A pesquisa a ser desenvolvida é uma pesquisa-ação, será realizada por meio de uma experiência educativa de uma formação aos discentes da educação do campo sobre surdez e Libras, com o intuito de socializar a Língua Brasileira de Sinais no ambiente universitário e conseguinte no meio educacional do campo no município de Cametá- PA. Assim, o projeto tem como intuito promover uma formação inicial ampla na área da surdez aos discentes da educação do campo, vislumbrando sua atuação nas escolas do campo proporcionando um espaço educativo bilíngue, dialógico e inclusivo, em que o sujeito surdo seja visto não como deficiente? incapaz- , mas como diferente linguisticamente e culturalmente aos olhos dos demais sujeitos que compõe o espaço educativo inclusivo do campo.

Data de início: 01/04/2017     Data de término: 01/12/2017

Coordenadora: Waldma Maíra Menezes de Oliveira
Bolsista(s): 10
Voluntário(s):

Agência financiadora:

Natureza do Projeto: Extensão

Título do projeto: Formação de Instrutores de Libras na Amazônia Tocantina

Resumo: Esse projeto justifica-se em virtude da carência de profissionais para o ensino de Libras. Um dos desafios do curso é formar instrutores para ministrarem a Libras até que haja disponibilidade de professores licenciados em Letras/Libras Faz-se necessário investir na formação de Instrutores competentes, éticos e reflexivos no seu papel social e educacional, para poderem atender de forma eficaz à necessidade de ensino e de disseminação da Língua Brasileira de Sinais ? Libras, que, embora reconhecida oficialmente pela Lei nº 10.436/2002, ainda é desconhecida pela maioria dos profissionais da rede pública, por alunos ouvintes e, eventualmente, por alguns alunos surdos que estão matriculados nas escolas públicas, prejudicando sua acessibilidade aos serviços. Por sua vez, o Decreto nº 5.626 reforça o papel do poder público e das empresas que detêm concessão ou permissão de serviços públicos, no apoio ao uso e difusão de Libras; na formação, capacitação e qualificação de professores, servidores e empregados para o uso e difusão da Libras. Assim, o projeto dispõe como objetivo geral: Capacitar recursos humanos, mediante a oferta de conhecimentos teóricos e práticos, visando formar instrutores de Língua Brasileira de Sinais ? Libras, que contribuirão para a educação e a acessibilidade de pessoas surdas na Amazônia Tocantina e como objetivos específicos: a) Capacitar Instrutores para o ensino de Libras como L2 na Amazônia Tocantina; b) Capacitar instrutores de Libras para atuarem na rede pública de ensino na região Tocantina; c) Capacitar e/ou atualizar profissionais com qualificação no Prolibras, que estejam necessitando de atualização em Libras, em função do próprio dinamismo da Língua ou das didáticas e/ou estratégias utilizadas no ensino da mesma, para atender as esferas federal, estadual e municipal. d) Contribuir para a melhoria da qualidade da Educação para os surdos no país, sua inserção e permanência neste e em quaisquer outros eixos relacionados à surdez (saúde, cidadania, justiça, esporte, lazer e cultura, entretenimento, etc...). A pesquisa a ser desenvolvida é uma pesquisa-ação, será realizada por meio de uma experiência educativa de formação continuada com instrutores de libras para o ensino da Língua nos diversos espaços sociais Assim, o projeto tem como intuito favorecer a criação de um espaço educativo bilíngue, dialógico e inclusivo, em que o sujeito surdo seja protagonista do ensino da Língua Brasileira de Sinais aos demais sujeitos que compõe o espaço educativo.

Data de início: 2017     Data de término: 2018

Coordenadora: Waldma Maíra Menezes de Oliveira
Bolsista(s):
Voluntário(s):

Agência financiadora: PIBEX/PROEX-UFPA

Natureza do Projeto: Pesquisa

Título do projeto: Dinâmica Econômica e Social na Amazônia Rural Brasileira: O protagonismo das mulheres do baixo Tocantins – Cametá-PA

Resumo:

Data de início: 02/03/2017     Data de término: 01/03/2018

Coordenadora: Silvaneide Santos de Queiroz Côrte Brilho
Bolsista(s):
Voluntário(s):

Agência financiadora: Sem financiamento

Natureza do Projeto: Extensão

Título do projeto: Desenvolvimento, Gestão Territorial e Economia Solidária no Território do Baixo Tocantins

Resumo: Esse Projeto tem como objetivo principal promover assessoria técnica, através da transferência de tecnologias inovadoras de gestão, em nível de gestão universitária para o fortalecimento da participação dos empreendimentos da agricultura familiar e empreendimentos econômicos solidários no mercado institucional de alimentos. O projeto orienta-se pelas novas diretrizes curriculares a fim de fortalecer e estruturar práticas pedagógicas que irá possibilitar a construção de ambientes acadêmicos interdisciplinares voltados para o desenvolvimento teórico e prático do exercício profissional. Este projeto ao integrar extensão, ensino e pesquisa, visa promover à ampliação da participação dos os empreendimentos da agricultura familiar (AF) e empreendimentos econômicos solidários (EES) no mercado institucional de alimentos, no âmbito dos Programas: Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (PRONAF), de Aquisição de Alimentos (PAA), Nacional de Alimentação Escolar (PNAE), de Economia Solidária, de Aquicultura e Pesca e outros de inclusão socioprodutiva no estado do Pará. Em termos metodológicos, usar-sé-a o diagnóstico rápido participativo (DRP), a pesquisa-ação e os fundamentos da educação popular. Isso irá possibilitar o ingresso de discentes, docentes e técnicos das diversas áreas de conhecimento por meio das atividades de extensão. Além disso, será um campo de estágio que permitirá a relação entre teoria e prática na transferência de conhecimento com a sociedade em geral. Neste sentido, o referido projeto de extensão surge como um mecanismo de desenvolvimento e inovação de empreendimentos econômicos solidários e da agricultura familiar na Amazônia.

Data de início: 02/03/2017     Data de término: 01/03/2018

Coordenadora: Maria Madalena Costa Freire Corbin
Bolsista(s):

Agência financiadora: PIBEX/PROEX-UFPA

Natureza do Projeto: Extensão

Título do projeto: Educação e Agroecologia: Saberes e práticas de agricultores familiares no território do Baixo Tocantins

Resumo: Este projeto de extensão está diretamente relacionado com as diretrizes do curso de Educação do Campo da UFPA/Campus Universitário do Tocantins-Cametá, onde a agroecologia tem um papel norteador na formação dos educadores do campo, no qual parte da equipe compõe o grupo de docentes desse curso. O objetivo central dessa proposta é analisar os saberes e práticas agroecológicas de agricultores familiares no Território do baixo Tocantins, a fim de promover formações em agroecologia nas comunidades rurais. A metodologia que será adotada se baseia em abordagens sistêmicas e participativas, com a finalidade de envolver professores, estudantes, pais e agricultores familiares tanto no processo de investigação como na realização de oficinas e reuniões formativas sobre os processos de transição agroecológicas nos territórios. Almeja-se como resultado desse projeto contribuir para a promoção de agriculturas mais sustentáveis, com a valorização dos conhecimentos tradicionais e das formas de fazer agricultura.

Data de início: 03/2017     Data de término: 02/2018

Coordenador(a): Edfranklin Moreira da Silva
Bolsista(s): Maria Roseane Wanzeler Gaia
Voluntário(s):

Agência financiadora:

Natureza do Projeto: Pesquisa

Título do projeto: O manejo da gente: Propostas locais na gestão ambiental

Resumo:

Data de início: 01/03/2017     Data de término: 01/03/2018

Coordenador: Edfranklin Moreira da Silva
Bolsista(s):
Voluntário(s):

Agência financiadora:

 

Informações complementares

[Em construção]

 

registrado em:
Fim do conteúdo da página