Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Letras Inglês
Início do conteúdo da página

Faculdade de Linguagem (Letras Língua Inglesa)

Publicado: Quinta, 15 de Setembro de 2016, 22h56 | Última atualização em Terça, 19 de Setembro de 2017, 12h50

O Curso de Licenciatura em Letras - Língua Inglesa do Campus Universitário de Cametá tem por meta formar educadores competentes na língua e cultura inglesas, capazes de assumir um posicionamento crítico e reflexivo que os leve a estabelecer relações dialógicas no âmbito de sua comunidade e além dela. Considerando-se a grande complexidade de que se revestem atualmente as relações sociais na sociedade brasileira, especialmente no que diz respeito ao mundo do trabalho onde tais relações se manifestam em toda a sua crueza, e considerando também que a escola deve ter, entre outras, uma função propedêutica, o professor de língua inglesa, como língua estrangeira, precisa ter consciência do significado e da repercussão de sua ação didático-pedagógica na vida de seus alunos e estar preparado para enfrentar os desafios daí advindos. O curso de Letras Língua Inglesa, objetiva proporcionar a formação inicial, em nível superior, de professores Licenciados em Letras Língua Inglesa, para atuar nas diversas modalidades de ensino, como educação básica, educação de jovens e adultos, cursos livres, e em outras áreas, como assessoria bilíngue, pesquisa etc. Tal formação se dará com conhecimento da realidade sociolinguística de países de língua inglesa, proporcionando um olhar diferenciado sobre esta, para que possam assim atuar de maneira diferenciada, superando a visão simplificada do fenômeno língua/linguagem como um conjunto de regras a serem seguidas, e assumindo-o como meio privilegiado de interação sociolinguística, reconhecendo aí também o espaço das manifestações literárias. As dimensões, ética, humanista, crítica, autônoma e engajada com a intervenção e transformação do meio social devem ser contempladas na formação do licenciado.

Direção da Faculdade

Diretor

Prof. Dr. Dante Luiz de Lima

Currículo Lattes: http://lattes.cnpq.br/2361582673205422

Vice-Diretor

Prof. Msc. Breno Belém

Currículo Lattes: http://lattes.cnpq.br/6955325322680604

Secretaria da Faculdade

 

Secretária

Solange Maria Martins Valente
Assistente em Administração

 

Bolsista/PROAD

Tainara Veiga Silva

 

Bolsista/PROAD

Lorenzo Lopes Cardoso

 

 

Avaliação do Curso

Nossa última avaliação foi em 2014, feita pelo MEC

Conceito final: 4

 

Horário de funcionamento

De segunda a sexta-feira, das 8h às 12h e das 14h às 18h.

 

Endereço e contato

Prédio da Administração (2º andar)
Trav. Pe. Antônio Franco, 2617 - Bairro da Matinha
CEP 68400-000    Cametá-PA

Telefone: (91) 3781-1182 (Ramais 219 e 220)
E-mail: dantelima41 @ gmail.com

Links úteis: [Em construção]


Especialização

▼ EDITAL 005/2017 - REABERTURA DAS INSCRIÇÕES

▼ EDITAL 004/2017 – RESULTADO DA DEMANDA SOCIAL

▼ EDITAL 004/2017 – RESULTADO DA DEMANDA SOCIAL

▼EDITAL ESPECIALIZAÇÃO_03-INSCRIÇÃO

▼ ENTREVISTAS PARA CANDIDATOS DE DEMANDA SOCIAL


Documentos

▼ Requerimento Estudantes


Corpo docente

Ana Lilia Carvalho Rocha

Titulação máxima: Mestre
Situação Funcional: Efetivo
Linhas de pesquisa: Ensino e aprendizagem de Língua Inglesa
Página no SIGAA: https://sigaa.ufpa.br/sigaa/public/docente/portal.jsf?siape=1764940
Currículo Lattes: http://lattes.cnpq.br/8938182052376941

Breno de Campos Belém

Titulação máxima: Mestre
Situação Funcional: Efetivo
Linhas de pesquisa: Linguística Aplicada; Ensino e aprendizagem de línguas; Educação à distância; Recursos tecnológicos aplicados ao ensino de línguas; Educação
Página no SIGAA: https://sigaa.ufpa.br/sigaa/public/docente/portal.jsf?siape=1881036
Currículo Lattes: http://lattes.cnpq.br/6955325322680604

Carlos Adalberto dos Santos Cabral

Titulação máxima: Especialista
Situação Funcional: Substituto
Linhas de pesquisa: Leitura e Processos Culturais e de Linguagem. Ensino e Aprendizagem de Línguas. Práticas de leitura e escrita. Uso de TIC's no ensino-aprendizagem de Línguas
Página no SIGAA:
Currículo Lattes: http://lattes.cnpq.br/5682988924000753

Dante Luiz de Lima

Titulação máxima: Doutor
Situação Funcional: Efetivo
Linhas de pesquisa:  Literatura Comparada; Textualidades híbridas – Teologia e Literatura
Página no SIGAA: https://sigaa.ufpa.br/sigaa/public/docente/portal.jsf?siape=1425980
Currículo Lattes: http://lattes.cnpq.br/2361582673205422

Maria Luiza Faleiros Lima

Titulação máxima: Especialista
Situação Funcional: Efetivo
Linhas de pesquisa: Literatura Comparada, Ensino de Literatura
Página no SIGAA: https://sigaa.ufpa.br/sigaa/public/docente/portal.jsf?siape=1768044
Currículo Lattes: http://lattes.cnpq.br/5936025941709967

Luiz Antônio Pereira Lima Neto

Titulação máxima: Graduado
Situação Funcional: Substituto
Linhas de pesquisa: Língua Inglesa e suas interfaces: ensino e literatura
Página no SIGAA:
Currículo Lattes: http://lattes.cnpq.br/0497856346957216

Núcleo Docente Estruturante (NDE)

 O NDE da Faculdade de Linguagem – Língua Inglesa está constituído pelos seguintes docentes:

Profa. Msc. Ana Lilia Carvalho Rocha
Prof. Msc. Breno de Campos  Belém
Prof. Dr. Dante Luiz de Lima
Profa. Esp. Maria Luiza Faleiros Lima

 


Planejamento

 

 


Projetos

A Faculdade de Linguagem – Língua Inglesa, por meio de seu corpo docente, mantém um conjunto de ações relacionadas à extensão e à pesquisa, conforme demonstram os diferentes projetos relacionados abaixo.

Natureza do Projeto: Extensão

Título do projeto: Língua Inglesa por meio do IRC em Cametá (LIRCA): Interações síncronas online para o aperfeiçoamento do discurso eletrônico

Resumo: Este projeto visa criar condições para o aprimoramento das habilidades de produção escrita e oral em língua inglesa por meio de práticas síncronas em uma plataforma online denominada IRC® (Internet Relay Chat). As atividades síncronas de comunicação são caracterizadas pelo envio de mensagens e obtenção de respostas em tempo real ou quase real. Exemplos de comunicações síncronas são os batepapos na internet por meio de aplicativos, como, por exemplo, messenger do Facebook® e o Whatsapp®, que estão sendo amplamente utilizados pela comunidade nos dias atuais. O projeto terá como sede a cidade de Cametá, mas poderá receber participantes de outros municípios caso haja interesse. A plataforma IRC caracteriza-se por ser um ambiente leve que não necessita de muita velocidade de bytes para seu acesso. Isso viabilizará o acesso aos participantes do interior do estado, onde o acesso à internet é, muitas vezes, limitado. Para essa prática, os alunos utilizarão o que será denominado neste projeto como discurso eletrônico, ou seja, uma mistura entre o escrito e o oral, praticando essas duas habilidades de produção em um ambiente síncrono. A proposta desse projeto visa, também, criar condições de aprendizagem para que alunos do ensino médio, superior, bem como aqueles que estudam a língua inglesa em cursos livres, possam se oportunizar para a prática da conversação, em prol da comunicação, em um ambiente não institucional.

Data de início: 06/2016     Data de término: 07/2017

Coordenador: Breno de Campos Belém
Bolsistas:  Alander Meireles Reimão, Aldenice de Sá Cardoso

Agência financiadora: PROEX (UFPA)

Natureza do Projeto: Extensão

Título do projeto: Língua Estrangeira Instrumental À Distância (Leid): Proposta para a Língua Inglesa

Resumo: Em um contexto acadêmico, muitos são os cursos que possuem a disciplina língua estrangeira instrumental. A maioria dos cursos opta pela oferta da língua inglesa, pois é ela que está sendo universalmente usada nas relações globais. Além disso, o interesse por esta disciplina deve-se ao fato de ser um dos requisitos necessários à capacitação acadêmica na leitura, compreensão e interpretação de textos, tanto durante, quanto após a graduação, como, por exemplo, nos cursos de mestrado e doutorado. Para que o candidato possa submeter sua proposta de projeto e candidatar-se a uma das vagas das pós-graduações strictu sensu, precisa comprovar ser apto a compreender textos na língua estrangeira e ter a habilidade de responder à perguntas deste texto em sua língua materna. A proposta deste projeto é, então, além de possibilitar a capacitação de estudantes da comunidade local, capacitar os alunos que participarão do projeto na cidade de Cametá no interior do estado do Pará para a leitura de textos em língua inglesa. Este projeto também tem como objetivo avaliar mestrandos e/ou candidatos às vagas no mestrado de Educação e Cultura, com a finalidade de avaliá-los para certificar que eles estão aptos a ler e compreender textos em língua inglesa, sendo este um dos requisitos necessários à conclusão do curso. Para melhor flexibilidade de horários das instruções, avalia-se a possibilidade de utilização da plataforma Moodle ou a sala de aula virtual no SIGAA como ambiente virtual de aprendizagem.

Data de início: 05/2015     Data de término: 06/2016 (concluído)

Coordenador: Breno de Campos Belém
Bolsista(s): Rodrigo do Carmo Gaia Pinto

Agência financiadora: PROEX (UFPA)

Natureza do Projeto: Pesquisa

Título do projeto: Autonomia e motivação na aprendizagem da produção oral de língua inglesa: formação de professores no município de Baião, Cametá, Tomé-açu e Tucuruí

Resumo: O presente trabalho tem como objetivo averiguar de que forma os acadêmicos do curso de licenciatura em língua inglesa dos cursos administrados pelo Campus Universitário do Tocantins/Cametá, em caráter intensivo e extensivo nas cidades de Tomé-Açu, Baião, Tucuruí e Cametá apresentam comportamentos autônomos e motivacionais para aprendizagem de língua inglesa. Partindo de experiências empíricas, observações in loco e de conversas informais com alunos e professores desses cursos, constatou-se grande deficiência na habilidade de produção oral por uma grande porcentagem dos alunos que estão cursando, bem como em processo de conclusão em sua formação. Alguns desses alunos relatam sentirem-se incapazes de participar efetivamente das aulas expondo suas ideias oralmente. Deste modo, a proposta desta pesquisa é investigar se as causas deste obstáculo está diretamente ligado à motivação e/ou autonomia do aprendente, pois sabe-se que no processo de aprendizagem de línguas, quando um aprendente está motivado, será mais propenso a assumir grande responsabilidade pela sua própria aprendizagem, agindo autonomamente e usufruindo dos recursos disponíveis para aprimorá-la. A metodologia utilizada será o estudo de caso de abordagem qualitativa. Os dados serão coletados por meio de narrativas, questionários e entrevistas semi-estruturadas. Participarão desta pesquisa alunos voluntários das turmas intensivas do curso de Letras Língua Inglesa das cidades de Tomé-Açu e Baião, bem como as de modalidade extensiva nas cidades de Cametá e Tucuruí. Neste trabalho serão privilegiadas as teorias de motivação e autonomia na aprendizagem de línguas.

Data de início: 08/2016     Data de término: 07/2017

Coordenador: Breno de Campos Belém
Bolsista(s): Rafael Gonçalves de Sá
Voluntário(s):

Agência financiadora: PROPESP (UFPA)

 

Informações complementares

[Em construção]

 

registrado em:
Fim do conteúdo da página